EU ASSISTI: CAMINHOS DA FLORESTA (INTO THE WOODS)

Eu gosto muito de filmes baseados em Contos de Fadas, chamam muito minha atenção e, geralmente, eu gosto.  Quando vi o trailer de “Caminhos da floresta”, com seu grande elenco que conta com Meryl Streep, Emily Blunt, Anna Kendrick, Chris Pine, Johnny Depp, entre outros, pensei: “preciso ver este filme”. E então, eu fui ver este filme.


Antes vamos conversar sobre de que se trata o filme. Basicamente ele encontra várias estórias da nossa infância e faz com que elas  se tornem uma única. Temos Chapéuzinho Vermelho, Cinderela, João e o pé de Feijão, Rapunzel e por aí vai. A história é mais ou  menos assim: a Bruxa (Meryl Streep), que amaldiçoou a família de seu vizinho padeiro a long time ago, diz que quebrará o feitiço se ele lhe trouxer alguns itens que encontrará na floresta. Caso ele consiga todos os itens em 3 dias, o feitiço será revertido e ele poderá ter um filho com sua esposa. Então o padeiro sai pela floresta em busca dos itens e, é aí, que as várias histórias começam a se cruzar porque, cada item é proveniente de um outro conto.

Gostei muito do fato dos personagens terem sido bem trabalhados, você sabe logo de cara quem é quem, não precisa ficar buscando na memória peculiaridades, você vê e logo reconhece. Mas nem tudo nos personagens são rosas, principalmente em nossa Cinderela, acho que ela apresenta alguns problemas de bipolaridade… vocês entenderão. Além de termos um Príncipe nem tão encantado assim, vivido por Chirs Pine.

Parece bem interessante, e é, mas só se você gostar de musicais! Yes, 85% do filme é cantado. Não é para menos, afinal, o filme foi baseado em um musical da Broadway. Mas, uma dica, não tente levar seu namorado, marido, noivo, como eu fiz porque eles se
cansam rápido daquela cantoria todas e, sinceramente, depois de um tempo eu cansei também. Eu gosto de musicais e filmes inspirados neles mas, o que me cansa, são as firulas e os excessivos lá-lá-lás e oh-oh-ohs que acontecem. Prefiro ir direto ao ponto, mas que seja em forma de música.

Outra coisa, em determinado momento o filme parece estar chegando ao fim, #sqn, algo acontece e lá vamos nós novamente, é como se o filme acabasse e “Caminhos da Floresta pt.2” começasse logo em seguida. Vi o desespero surgindo no rosto do Fernando, que me acompanhou ao cinema e me perguntou se aquilo foi uma “vingança por Trovão Tropical”.
Ponto positivo: descobrir que alguns atores tem talento musical além do esperado. Que a Meryl Streep é fantástica todo mundo já sabe mas, a Emily Blunt (atriz que eu particularmente admiro muito) também se saiu incrivelmente bem. Me encantei também com a fofa Lila Crawford vivendo Chapéuzinho Vermelho, tanto atuando quando cantando, ela incorporou perfeitamente a garotinha de capa vermelha.

Entre Lobos e Gigantes, nem todos se salvam mas, em suma, eu gostei do filme e aconselho aos apreciadores de Contos de Fadas e Musicais que assistam. A estória é ótima, a mescla entre contos de fadas é muito interessante e vale a pena ser assistida pelos fãs
do gênero.

LANÇAMENTO: 29 de Janeiro de 2015 (Brasil)
TEMPO: 124 minutos
DIREÇÃO: Rob Marshall
DISTRIBUIÇÃO: Disney / Buena Vista
MÚSICA: Stephen Sondheim

Anúncios

1 comentário Adicione o seu

  1. claquetegirls disse:

    Ainda não assisti esse filme, por que não tenho muita paciência pra musicais, mas a Beatriz do claquete viu e adorou kkk
    Gostei da sua critica! 😉
    Bjs

    https://claquetegirls.wordpress.com/

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s